segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Coluna do dia 18/09/17

***Caixa Cultural traz a Curitiba João Bosco e Hamilton de Holanda***


Crédito das fotos: André Mota.

***A Caixa Cultural Curitiba apresenta, de 22 a 24 de setembro, o espetáculo Eu vou pro samba, com o cantor e compositor João Bosco e o instrumentista e compositor Hamilton de Holanda. O show inédito une dois dos maiores nomes da música brasileira contemporânea e celebra o mais festejado ritmo brasileiro. Os artistas prepararam alguns de seus temas preferidos, em novos e personalizados arranjos que integram o violão (e a voz) de João com o bandolim de Hamilton.


Trinta anos de vida separam os dois talentos que comovem o público, no Brasil ou no exterior a cada exibição, seja quando se apresentam sozinhos, seja quando se unem no palco para compartilhar a boa música brasileira. João Bosco acaba de completar 71 anos. Hamilton de Holanda fez 41. Cada um, a seu modo, construiu uma vitoriosa carreira que, neste momento, conflui nos acordes do samba. “Nação”, “Coisa feita” entre outros sambas de João Bosco ganham renovados contornos ao lado de Ary Barroso (“Isso é Brasil”), Dorival Caymmi (“Milagre” e “Vatapá”) e outros compositores que contribuíram para esse gênero musical tão brasileiro e tão difundido no mundo.


João Bosco - O mineiro nasceu em Ponte Nova e começou sua vida artística aos quatro anos. Em Ouro Preto, formou-se engenheiro civil. Em 1967, conheceu o poeta Vinicius de Morais e foi honrado com sua parceria em algumas canções. Em 1970, conheceu o poeta Aldir Blanc e os dois tornaram-se parceiros em mais de uma centena de músicas.

Elis Regina gravou canções como "Bala com Bala", "O Mestre Sala dos Mares", "Dois pra Lá e Dois pra Cá" e "Caça à Raposa", todas fruto da parceria da dupla Bosco e Blanc. No disco “Linha de Passe”, em parceria com Aldir Blanc e o saudoso poeta e compositor Paulo Emílio, destacou-se a canção "O Bêbado e a Equilibrista" clássico da MPB e conhecida como hino da anistia política, foi gravada por Elis Regina e escolhida entre as 14 canções brasileiras do século.


Gravou sucessos como "Nação", gravada também por Clara Nunes, "A Nível de..." e "Siameses" com participação especial de Nana Caymmi. Também compôs sozinho e com outras parcerias. Entre os destaques, "Papel Machê", em parceria com Capinam. Recebeu o prêmio de melhor música "Prêt-a-Porter de Tafetá" incluída no disco "Gagabirô". Fez turnês pelo Brasil e pelo mundo. Lançou o disco "Cabeça de Nêgo", mais um álbum de sua nova fase. As palavras imitam cada vez mais os sons: as letras associadas à sonoridade da música, numa linguagem percussiva, visão ampla da negritude.

A busca constante no processo de criação o leva a novos experimentalismos estético-musicais. Passou a gravar com o filho, o poeta e ensaísta Francisco Bosco. Juntos, eles gravaram "As Mil e Uma Aldeias", disco com forte inspiração no universo árabe, criando uma profusão de ritmos. A parceria se consolida em seu 20º disco, “Na esquina”, com arranjos de Jaques Morelembaun. Em 1998, foi o autor da trilha sonora criada para o novo espetáculo da Companhia de Dança Grupo Corpo – "Benguelê", trabalhando na elaboração da música com Paulo Perdeneiras e o coreógrafo Rodrigo Perdeneiras.

A trilha do espetáculo foi registrada no CD "Benguelê". Em 2004, ele e Aldir Blanc receberam o prêmio "Shell de Música 2004". Em 2012, para celebrar seus 40 anos de carreira, João lançou "40 anos depois", em CD e DVD, reunindo sucessos de seu repertório e vários convidados especiais como Chico Buarque, Milton Nascimento, João Donato, Roberta Sá, Toninho Horta, Trio Madeira Brasil e Cristóvão Bastos. Foi o grande homenageado do 23º Prêmio da Música Brasileira, maior premiação da música no Brasil.

Hamilton de Holanda - Hamilton de Holanda tem 36 anos de música. Carrega na bagagem a fusão do incentivo familiar com o Bacharelado em Composição pela Universidade de Brasília e a prática das rodas de choro e samba. Por tudo isso, Hamilton de Holanda transita com tranquilidade pelas mais diferentes formações e passeia por diversos gêneros. Há 17 anos, ele adicionou duas cordas extras, 10 no total, reinventando o seu bandolim, aliando a velocidade de solos e improvisos.

Hamilton busca uma música focada na beleza e na espontaneidade. Recebeu, por unanimidade, o prêmio de melhor instrumentista na única edição do Icatu Hartford de Artes 2001, nas categorias erudito e popular. O bandolinista foi diversas vezes nominado ao Latin Grammy, sendo premiado nas duas últimas edições: em 2016, na categoria Melhor Disco Instrumental com ‘Samba de Chico’ e, em 2015, na categoria Melhor Canção Brasileira com “Bossa Negra”, parceria com Diogo Nogueira e Marcos Portinari.

Oito de seus discos configuram nas listas de indicações do prêmio. Ele se apresenta em eventos e festivais de grande importância no Brasil e no Mundo. Já dividiu o palco com nomes como Wynton Marsalis, Hermeto Pascoal, John Paul Jones (Led Zepellin), Milton Nascimento, Chico Buarque, Chucho Valdes, Egberto Gismonti, Zeca Pagodinho, Stefano Bollani, Djavan, Richard Galliano, Marisa Monte, Alcione, Maria Bethânia e Seu Jorge, entre muitos outros, além de uma noite singular com os músicos do Buena Vista Social Club.

Serviço: Eu vou pro samba – João Bosco e Hamilton de Holanda Local: Caixa Cultural Curitiba, Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR) Data: 22 a 24 de setembro de 2017 (sexta a domingo). Horário: sexta às 20h, sábado às 19h e 21h, domingo às 18h e 20h. Ingressos: vendas a partir de 16 de setembro (sábado). R$ 20 e R$ 10 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito Caixa). A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura. Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sábado, das 12h às 20h, e domingo, das 16h às 19h). Classificação etária: livre para todos os públicos. Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes).

***Jornalismo da UP é premiado pelo Canal Futura***


Crédito da foto: Divulgação.

Na foto: Cris Reckziegel, Tulio Drumond Chaves, Acácio Jacinto, do Canal Futura, com a professora da UP, Sandra Nodari.

***O curso de Jornalismo da Universidade Positivo (UP) foi o vencedor da primeira edição do Pitching Social para Documentários do Canal Futura. O objetivo é selecionar um projeto por região para a produção de um documentário sobre alguma iniciativa de extensão comunitária das universidades parceiras.

Com a proposta “Padrinhos de Adrianópolis”, o curso de Jornalismo vai receber 5 mil reais para produzir um documentário abordando como os cursos de Psicologia e Pedagogia da UP estão transformando as escolas de Adrianópolis. O material produzido pelos alunos vai ser exibido no Canal Futura. Para a professora Sandra Nodari, vencer o 1º Pitching do Futura representa o reconhecimento do trabalho realizado pelo curso de Jornalismo no setor audiovisual.

"Nossa parceria com o Canal Futura nos faz desenvolver sempre novos projetos e estar em busca constante das transformações pelas quais o jornalismo audiovisual passa. Vencer este pitching significa que estamos no caminho certo", revela. Para o responsável pelo relacionamento com as universidades parceiras, Acácio Jacinto, é motivo de orgulho dar visibilidade a esses projetos. “Somos gratos pela parceria engajada da UP e felizes em mostrar para todo o Brasil a excelência em educação que temos”, conta.

Localizada no norte do Paraná, no Vale do Ribeira, Adrianópolis é uma das cidades mais pobres do estado. Com 6,4 mil habitantes, o município tem um dos menores IDHs do Paraná. Em dezembro de 2014, um Acordo de Cooperação para Ensino e Pesquisa foi assinado pelo reitor da Universidade Positivo (UP), José Pio Martins e pelo então prefeito de Adrianópolis, João Manuel Pampanini. O projeto, idealizado pelo Núcleo de Estudos e Laboratório de Cidades da UP, permitiu que, desde 2014, alunos e professores de diversos cursos da instituição apresentassem ideias e soluções para o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

Sobre a Universidade Positivo - A Universidade Positivo (UP) concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação a ser transformada em Universidade.

Atualmente, oferece 57 cursos de Graduação presenciais (35 cursos de Bacharelado e Licenciatura e 22 Cursos Superiores de Tecnologia), três programas de Doutorado, quatro programas de Mestrado, centenas de programas de Especialização e MBA e dezenas de programas de Extensão. A UP conta com sete unidades em Curitiba, uma unidade em Londrina (PR), além de polos de Educação à Distância (EAD) em mais de 20 cidades espalhadas pelo Brasil. É considerada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) a melhor universidade privada do Paraná, pelo quinto ano consecutivo.

***Inauguração da Sala Himeji no Memorial de Curitiba***


Crédito da foto: Divulgação.

***A Fundação Cultural de Curitiba inaugura, nesta segunda-feira (18/09), às 19h, no Memorial de Curitiba, a Sala Himeji. Na ocasião, também será aberta a exposição da maquete do Castelo de Himeji. O evento, que contará com a apresentação de grupo de dança japonês, marca o início das comemorações do Haru Matsuri, festival que celebra a chegada da primavera.

A maquete em exposição é a do Castelo de Himeji, considerado um Tesouro Nacional do Japão e um dos edifícios históricos mais visitados do país. Himeji é cidade japonesa irmã de Curitiba. A obra foi doada à cidade em 1997 e instalada na Praça do Japão. O castelo surgiu em 1346, na forma de um edifício de madeira.

A configuração atual, com 82 edifícios, é de 1580. Tem uma só entrada, várias passagens secretas e seu exterior é todo branco. Também conhecido como “Castelo da Garça Branca”, o complexo é Patrimônio da Humanidade da Unesco desde 1993. O evento tem o apoio do Palácio Hyogo, entidade japonesa presente em Curitiba e que abriga a Câmara de Comércio e o Instituto Cultural e Científico Brasil-Japão.

Sobre a Irmandade Curitiba-Himeji - Desde maio de 1984, Himeji é cidade irmã de Curitiba. O documento de irmandade respeita e assimila as diferenças culturais. Faz avançar um produtivo intercâmbio, que aponta para a cooperação e a paz desejada entre os povos do mundo inteiro. Pode ser simbolizada na singela beleza de um origami, no profundo significado de um hai-kai, na suprema beleza de uma cerejeira em flor.

Serviço: Inauguração da Sala Himeji no Memorial de Curitiba Local: Memorial de Curitiba – Rua Dr. Claudino dos Santos, 79 – São Francisco Data e horário: 18 de setembro de 2017 (segunda-feira), às 19h Entrada franca.

***Cia do Abração apresenta, Estórias Brincantes de Muitas Mainhas***


Crédito da foto: Isabelle Neri.

***No domingo, dia 24, acontecerá a quarta edição da série de apresentações gratuitas e outras experiências teatrais, dando continuidade ao Projeto Abração em Ação, desenvolvido pela Associação Abração Círculo das Artes-AACA, em parceria com a Cia. Do Abração. Nesta edição, a Cia. do Abração apresenta o espetáculo “Estórias Brincantes de Muitas Mainhas”. Três simpáticos velhinhos que adoram contar histórias, um para o outro e, do seu jeito, trarão ao espectador alguns contos da literatura nacional, dirigidos à criança.

Os contadores de histórias, divertidos e ingênuos velhinhos, se confundem, brincam e se emocionam com a pureza própria de uma criança. Movidos pelos sentimentos de saudades e lembranças, começam a falar sobre suas próprias mães e sobre as diferentes mães que conhecem. A diretora da Cia do Abração Letícia Guimarães comenta que neste clima de brincadeira e faz-de-conta, os personagens fazem abstrações imaginando que todas as coisas, isto é, objetos do cotidiano, elementos da natureza e seres elementais, também têm mães.

“Concluem-se como podem ser diferentes e ao mesmo tempo semelhantes a nós, as diversas relações entre mães e filhos: tudo quanto a imaginação e a sensibilidade de uma criança podem permitir. Um trabalho de muita sensibilidade e delicadeza feito para todas as crianças, de todas as idades, inclusive, aquelas dentro de nós”, comenta a diretora. O espetáculo “Estórias Brincantes de Muitas Mainhas” será apresentado no dia 24, domingo, às 16h na sede da Cia do Abração, entrada franca.

Projeto Abração em Ação - Há 16 anos, a Cia do Abração mantém o seu espaço cultural, localizado no bairro do Bacacheri, alicerçada na Cultura de Grupo, como alternativa de resistência e modelo de organização e geração de poéticas: identificado ao teatro de grupo, como filosofia e como estratégia de sobrevivência. Na atual conjuntura em que a prática teatral perdeu significativamente seu caráter ritualístico e passou a vigorar a lógica da mercadoria, perante um mercado praticamente exíguo, mais do que nunca se faz necessário este espaço de resistência e de reflexão, em permanente busca da estabilidade grupal.

Nesta ótica, o Projeto Abração em Ação, desenvolvido pela AACA - Associação Abração Círculo das Artes, viabiliza este sonho, mais e além, a necessidade vital de manter um trabalho de excelência, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, Profice e Copel, que incentivando, cumprem não só o importante papel de coparticipes, socialmente responsáveis e solidários à causa da arte e cultura, mas acima de tudo, reconhecendo a importância do espaço da Cia. do Abração e suas produções culturais, apoiando um projeto de longo prazo, com organização de práticas pedagógicas identificadas ao propósito do grupo perante a sociedade e assim ofertando caminhos alternativos das lógicas hegemônicas.

O projeto prevê apresentações teatrais gratuitas, direcionadas a crianças de todas as idades, ao longo do ano, além de oferecer 10 Bolsas de ensino de teatro gratuitas, para crianças, jovens e adultos que comprovem situação de risco ou estado de pobreza e 3 bolsas gratuitas para atores profissionais nas oficinas de aprimoramento técnico do grupo.

Serviço: Estórias Brincantes de Muitas Mainhas Apresentação: Dia 24/09/2017 - Horário: domingo, às 16h Local: Sala Raul Cruz, sede da Cia. do Abração. Rua Paulo Ildefonso Assumpção, 725 - Bacacheri – Curitiba - PR Entrada: franca (Sujeito a lotação) . Os ingressos serão distribuídos a partir das 15h - Duração: 50 minutos Classificação indicativa: Livre - Indicado para todas as idades Site: http://www.ciadoabracao.com.br/home.

***Museu Alfredo Andersen abre três novas mostras em setembro***


Crédito das fotos: Divulgação.

***No dia 21 de setembro, às 18h, o Museu Alfredo Andersen abre três novas exposições: “Diálogos Tridimensionais”, de Marcelo Monteiro, “Espaço Interno”, de Pauléte Cristiane e “Je ne sais quoi”, de Tita Pereira. As mostras permanecem no espaço até o dia 22 de outubro de 2017. A entrada é gratuita.

“Diálogos Tridimensionais” mostra como a produção artística de um mesmo autor se modifica com o passar do tempo e como essas transformações, seja na composição ou no estilo, são também inerentes ao momento em que a obra foi concebida. Esculturas em madeira compõe a exposição.


Na mostra “Espaço Interno”, a artista Pauléte Cristiane propõe um novo olhar para as coisas cotidianas, chamando a atenção para os detalhes, para a parte ao invés do todo. A exposição é composta por obras fotográficas e uma instalação interativa. Já em “Je ne sais quoi”, Tita Pereira apresenta uma série de retratos com técnicas artesanais utilizadas pela artista para representar suas relações com as memórias de família, tempo e espaço.

As recordações que dão origem a este projeto são do lado paterno da família da artista e são contadas a ela desde sua infância. A partir de então, ela tenta resgatar os rostos, as narrativas, a intimidade dessa família que nunca conheceu, mas que sempre esteve presente.

Serviço: Abertura das exposições “Diálogos Tridimensionais”, “Espaço Interno” e “Je ne sais quoi” Dia 21 de setembro de 2017 às 18h Período expositivo: até 22 de outubro de 2017 Entrada gratuita. Museu Alfredo Andersen Rua Mateus Leme, 336. Curitiba-PR Terça a sexta-feira, das 9h às 18h Sábado, domingo e feriado das 10h às 16h. Tel: (41) 3222-8262 | (41) 3323-5148 - www.maa.pr.gov.br | maa@seec.pr.gov.br.

***“Refavela”, de Gilberto Gil, ganha reedição em vinil pela Polysom***


Crédito da foto: Divulgação.

***Estimulado por sua ida à Nigéria na década de 70, Gilberto Gil lançou um dos seus mais emblemáticos álbuns. “Refavela” (1977), segundo da trilogia “Re”, que tem também “Refazenda” (1975) e “Realce” (1979), traz raízes africanas encontrando a música brasileira.

Comemorando 40 anos de seu lançamento, o disco chega às lojas em vinil de 180 gramas, pela coleção “Clássicos em Vinil”, da Polysom.

O álbum foi gravado no estúdio da Phonogram, com direção de produção de Roberto Santana. Nele estão 10 músicas, em sua grande maioria assinadas por Gilberto Gil, como a faixa-título, “Sandra” e “Aqui e Agora”.

Em “No Norte da Saudade”, ele divide a autoria com Perinho Santana e Moacyr Albuquerque. Ainda estão no disco as canções “Ilê Ayê (Que Bloco É Ésse)”, de Paulinho Camafeu, e “Samba do Avião”, de Tom Jobim.

***Sabor & Arte celebra a gastronomia e cultura da Lapa***


Crédito da foto: Divulgação.

***Entre os dias 22 e 24, acontece na Lapa, o Sabor & Arte. O evento conta com programação especial, visando a levar o público a uma viagem pelos sabores e aromas dos mais diversos menus preparados por chefes de cozinha, nutricionistas e culinaristas. Serão aulas-show, com degustações e palestra, realizadas na Pousada Tropeira Lapa, um espaço comprometido em valorizar e reconhecer as obras de artistas lapeanos, e em outros locais da cidade.

A consultora gastronômica Rita Faiçal está na equipe organizadora do encontro e destacou que o Lapa Sabor & Arte tem como conceito celebrar a tradicional gastronomia local e homenagear as "cozinheiras de mão cheia", compartilhar experiências e propagar a cultura lapeana. Entre as atividades estão a cerimônia de implantação do Clube do Pinhão Amigo e a posse dos membros. “A confraria tem por objetivos difundir a culinária paranaense e fortalecer a cultura, costumes e a gente do Paraná, com sua maneira educada na arte do bem receber”, define a consultora.

A cidade da Lapa é rica em atividades culturais, afirma o diretor do Departamento de Turismo do município, Márcio Assad. No período do evento, por exemplo, acontecerão várias atividades como a apresentação do grupo Seresta da Lapa, “Uma Noite no Museu Casa Lacerda” e o “Desfile de Noivas à Moda Antiga – Noivas de Gluck”, organizado pelo Departamento de Cultura Municipal, e que podem e devem ser aproveitadas pelos empreendimentos voltados ao turismo, observa Assad.

As aulas shows, palestras, mesas redondas e refeições serão assinadas pelos chefs Adalgisa Ribas, Ricardo Bittencourt, Nadya Leyser, Luka Leyser, Leocádio Cocenza e Célia Cocenza, e também pelas nutricionistas Maria de Fátima Negre e tecnóloga em gastronomia Sônia de Fátima Gonçalves Busato. A agenda ainda trará uma palestra da doutora em tecnologia de alimentos Rossana Catie Bueno de Godoy, pesquisadora da Embrapa Florestas. Rita Faiçal informa que para os interessados em participar das atividades, a Pousada Tropeira oferece valor promocional de R$ 450,00 por pessoas para grupos de 25 a 30 integrantes, ou o valor de R$ 500,00 (individual).

Programação completa: Dia 22/09- Sexta feira - 16h - Chegada à Pousada Tropeira, check-in, café de boas-vindas, preparado pelos chefs Nadya Leyser e Luka Leyser: 19h - Cerimônia de implantação do Clube do Pinhão Amigo e posse dos membros; 21h - Jantar preparado pela nutricionista Maria de Fátima Negre e pela tecnóloga em gastronomia Sônia de Fátima Gonçalves Busato .

Dia 23/09 - Sábado: 9h - café da manhã; 10h - Palestra com a doutora em tecnologia de alimentos Rossana Catie Bueno de Godoy, pesquisadora da Embrapa; Das 10h45 às 12h30 - Passeio guiado pelo centro histórico da Lapa; 12h30 - Aula show com a chef Adalgisa Ribas e almoço preparado pelos chefs Leocádio Cocenza e Célia Cocenza; 14h - Continuação do passeio guiado pelo centro histórico da Lapa; 16h30 - Café colonial com os chefs Nadya Leyser e Luka Leyser; 19h - Apresentação Cultural: “Uma Noite no Museu Casa Lacerda”; 21h - Aula show com a chef Nadya Leyser e jantar preparado por Ricardo Bittencourt e Adalgisa Ribas; 22h30 - Apresentação de grupo de seresta da Lapa. Dia

24/09 - Domingo: 9h - Café da manhã; 10h - Saída para o Recanto das Pedras, uma das mais belas regiões da Lapa, contemplação e trilhas em meio à natureza; 12h30 - Almoço e no cardápio a legítima “costela de fogo de chão”, preparada pelo mestre churrasqueiro Marcos Mantovane; 16h - Desfile de Noivas à Moda Antiga (Noivas de Gluck), na Casa Lacerda; 17h - Retorno à Pousada para checkout.

Serviço: Lapa Sabor & Arte e Clube do Pinhão Amigo Data: de 22 a 24 de setembro Local: Pousada Tropeira Lapa Endereço: Av. Dr. Manoel Pedro, 2069 – Lapa (PR) Informações e reservas: (41) 3622-0055 com Patrícia Rita Faiçal (41) 9 9968-1252 – ritafaical@gmail.com.

***The Outs lança clipe de “Once Before”***


Crédito da foto: Divulgação.

***Banda destaque da cena underground carioca, o The Outs lança hoje o clipe da música “Once Before”. O vídeo foi dirigido e editado por Vinícius Massolar (guitarra/teclado/vocais) e traz colagens de várias imagens de extremismos religiosos, guerras, ditadores e terrorismos, com um pouco de nonsense e psicodelia.

"Nossa proposta era tentar mostrar em imagens um pouco da letra e vibração da música, que critica extremismos e irracionalismos do homem que persistem até hoje na nossa sociedade. Além de mostrar que essas atitudes estão mais próximas do nosso dia a dia quanto pensamos estar” – conta Vinícius. A música já é conhecida do público, estando sempre no repertório de seus shows, mas só agora tem sua versão de estúdio disponibilizada.

A gravação e produção foram feitas pela banda no Meristema Studio. “Once Before” foi escrita para um desafio do reality show “Breakout Brasil” (canal Sony), que a banda participou em 2014, com o luxuoso auxílio de Kid Vinil. “Embora tenha sido um breve (porém intenso) encontro, a conversa com o Kid Vinil foi muito importante.

Além de ser uma enciclopédia da história do rock, foi incrível ter conhecido ele e tido essa oportunidade de trocar uma experiência que valeu ouro para nós. O lançamento é uma querida homenagem a ele”-conta Vinícius. Para assistir, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=d96HKrzQZvk&feature=youtu.be.

***Hebe, A Biografia, passa a ser vendido também nas Lojas Americanas***

***Quem ainda não adquiriu o livro que conta a vida, a obra e os bastidores da maior estrela da TV brasileira agora tem uma chance ainda maior: Hebe, A Biografia passa a estar disponível também em mais de 1000 pontos de venda da rede Lojas Americanas, e com preço promocional: R$29,99. 

É a chance de conhecer a história de Hebe Camargo por meio de um texto incrível e envolvente. Hebe abriu caminhos, foi precursora, apresentou o talk show o Mundo é das Mulheres em uma época em que isso era realmente quebrar padrões. Durante o relato sobre a vida e a obra da diva, é possível também conhecer bastidores e principais personagens que fizeram parte da TV brasileira.

O livro foi o primeiro passo de um projeto maior, a Plataforma Cultural Hebe Forever, que terá um musical com estreia prevista para outubro deste ano e ainda, até 2018, exposição com acervo pessoal de Hebe, minissérie para TV, filme, documentário, livro fotográfico, entre outros.

Os projetos da plataforma estão em fase de captação de recursos e já tem como principais parceiros Prosegur, EMS, Zurich Santander, AGP Blindagens, Ibar Refratários, Rio Quente Resorts, Tintas Lukscolor, Estácio e Global Participações. Sobre o autor: Carioca, 65 anos, formado em Comunicação Social, Artur Xexéo é jornalista há quarenta anos. Nesse período, trabalhou nas redações do Jornal do Brasil, do Globo e das revistas Veja e IstoÉ.

Autor da biografia Janete Clair: A usineira de sonhos e do livro de crônicas O torcedor acidental, é comentarista da Globo News e da Rádio CBN e colunista do jornal O Globo. Autor teatral, escreveu os musicais Nós sempre teremos Paris e Cartola: O mundo é um moinho. Foi roteirista dos seriados Pé na cova e Sexo e as Negas, da Rede Globo. E espectador a vida inteira dos programas da Hebe Camargo.

Sobre a Plataforma Cultural - Liderado por Cláudio Pessutti, o projeto iniciado com a biografia de Hebe e que segue com o Musical terá ainda diversos eventos culturais, que serão lançados em 2018/2019, como a EXPOSIÇÃO com todo o acervo da apresentadora, como roupas e joias, e um FILME, que será desmembrado em uma MINISSÉRIE para TV e um DOCUMENTÁRIO. O anúncio dos próximos passos será realizado em breve, bem como as parcerias de peso que cada produto terá. Saiba mais: https://www.facebook.com/HebeCamargo.PerfilOficial.

***Outubro com promoção relâmpago nos hotéis Deville***


Crédito das fotos: Divulgação.

Foto: Deville Prime Salvador fica localizado próximo à praia de Itapuã e conta com pista de caminhada e quadras de tênis.

***Quem acha que somente crianças ganham presente em outubro está enganado. A Rede de Hotéis Deville irá oferecer descontos de 25% nas hospedagens durante todo o mês para turistas e moradores aproveitarem com a família a estrutura dos hotéis. As reservas com preço especial devem ser feitas entre os dias 22 e 25 de setembro. Para cada dia de outubro estarão disponíveis para a promoção relâmpago apenas cinco apartamentos em cada hotel da Rede.


Foto: A unidade de Porto Alegre oferece, além de piscina, serviços de beleza e bem-estar.

Além disso, na unidade de Salvador, que conta com pista de caminhada e quadras de tênis, duas crianças de até 12 anos se hospedam gratuitamente no mesmo apartamento dos pais. Em Porto Alegre, Curitiba, Maringá, Cascavel, Cuiabá e Campo Grande, a promoção garante a estadia de uma criança de até 10 anos sem pagar. Todos os hotéis da rede têm à disposição fitness centers, café da manhã e WIFi, inclusos nas diárias.


As reservas poderão ser realizadas pelo site www.deville.com.br, com o código MEGAPROMO, ou pela Central de Reservas (0800 703 1866). Os valores podem ser parcelados em até cinco vezes nos cartões de crédito e as tarifas são válidas para programas parceiros, como o Smiles, Tudo Azul e Multiplus. Serviço: Mega Promo Deville Diárias com desconto de 25% Data: 22 a 25 de setembro Informações e Reservas: 0800 703 186.

O Grupo: A Rede Deville começou suas atividades com o Hotel Deville Colonial, no centro de Curitiba. Desde então, vem crescendo e se consolidando como um dos principais grupos hoteleiros do país. Atualmente, atua como operador e investidor nas regiões Sul, Sudeste, Centro Oeste e Nordeste, com nove hotéis, aproximadamente 1.500 acomodações e mais de 1.100 funcionários.

Administra o São Paulo Airport Marriott Hotel (SP), Deville Prime Salvador (BA), Deville Prime Cuiabá (MT), Deville Prime Porto Alegre (RS), Deville Business Curitiba (PR), Deville Business Maringá (PR), Deville Express Cascavel, Deville Express Guaíra (PR) e o novo Deville Prime Campo Grande (MS).

***Graphic novel cristã aborda aventura na Antártida***

***O autor Marcelo Bigardi lança o livro “Esquadrão TDB e os Tesouros do Céu” (ed. 100% Cristão, 132 pág., R$ 25,90), participa de um bate-papo com o público e assina obra. O evento será amanhã (dia 19), às 19h30, na Livrarias Curitiba do Shopping Palladium [av. Pres. Kennedy, 4121, Portão, Curitiba-PR, tel. (41) 3330-6749]. A entrada é franca.

A obra é uma graphic novel nacional que aborda a viagem missionária de uma turma especializada em missões impossíveis. Liderados por Biga e Vivi, eles desbravam o ambiente gélido da Antártida, repleto de perigos como o frio intenso, montanhas, lobos selvagens, foca leopardo, gelo fino, icebergs, avalanche, vulcão e muito mais.

Além disso, uma equipe de caçadores de recompensa liderada pelo milionário Hugo Salazar, e munidos de tecnologia de última geração, tentarão de tudo para impedir o Esquadrão TDB de chegar ao seu objetivo.

Descobertas na Antártida - Nas páginas do livro, o leitor conhecerá diversos pontos intrigantes da Antártida como uma montanha em forma de pirâmide e buracos misteriosos nas rochas. Esta narrativa leve, no melhor estilo “Indiana Jones”, também possui diversas atividades ao longo das páginas, levando a interação dos jovens leitores tais como labirintos, caça palavras, liga pontos e muito mais.

A Editora 100% Cristão surgiu em 2013 com a proposta de investir no universo “geek cristão”. Ela é única em seu segmento e trouxe ao Brasil uma série de revistas em quadrinhos com personagens bíblicos, além de outras histórias reais, ficções, jogos e materiais alternativos.

Perfil - Natural de Minas Gerais, Marcelo Bigardi foi atleta profissional de skate e disputou vários campeonatos internacionais. Atualmente reside em Curitiba onde pastoreia a Bola de Neve na cidade, além de supervisionar as diversas igrejas desta denominação no estado do Paraná e outros países. É casado com a pastora Viviane Bigardi e possui dois filhos, Lucas e Vivian.

***Psicólogo e coach mostra como alcançar o bem-estar***


Crédito da foto: Divulgação.

***O psicólogo e coach em bem-estar Reginaldo Daniel ministra a palestra “O Inferno é Verde” na Universidade Federal do Paraná, nesta quarta-feira, às 19h30. O palestrante desenvolveu, por meio da psicologia, técnicas que ajudam as pessoas a adotar atitudes capazes de mudar de vida e reposicioná-las diante dos desafios diários. Daniel se baseia na Terapia Cognitiva (TC), uma das mais bem sucedidas no mundo.

Autor do romance O Inferno é Verde, Reginaldo Daniel usa o tema para fazer a metáfora de sua palestra. Trata-se de uma história sobre serviços de inteligência no combate ao tráfico na Amazônia, que soma crime, paixão, sexo, citações sobre a Lava Jato, a República de Curitiba e o juiz Sergio Moro. Na palestra, a metáfora de O Inferno é Verde propõe um novo modo de compreender como as pessoas encaram seus problemas e como podem fazer mudanças em suas vidas.

“A grande contribuição deste modelo de palestra é estimular as pessoas a buscarem desenvolver novas habilidades para vencer dificuldade comuns que nos acompanham no dia a dia. Existem sim estratégias para que possamos solucionar problemas e vivenciar maior felicidade e satisfação na vida. O Inferno do vermelho pode ter a cor da esperança do verde”, explica.

Serviço: O Inferno é Verde, com Reginaldo Daniel Quarta-feira, dia 20 de setembro, às 19h30 Auditório Grande do Setor de Educação Profissional e Tecnológica (SEPT) da UFPR (Rua Dr. Alcides Vieira Arcoverde 1225, Jd. das Américas. Curitiba) Inscrições gratuitas no local.

Sobre Reginaldo Daniel da Silveira - Reginaldo Daniel da Silveira é professor, psicólogo, pesquisador, escritor e palestrante. É coach em Bem-Estar. Autor do livro O Inferno é Verde. Tem atuação em Psicologia e Educação a Distância. É especialista em Filosofia Política (UFPR), Metodologia da Ciência (Uniben) e Terapia Cognitivo-Comportamental (Uniara). Mestre e Doutor em Engenharia da Produção: Mídia e Conhecimento (UFSC).

Autor do programa ESD: Educação Sem Distância, em execução pelo Detran-PR em 64 municípios do Paraná. Implementou metodologias de ensino a distância em diversas instituições (UEPG e Educon). Criou cursos (Educon/FAEL, Facinter).

Atua na clínica e em organizações, sendo responsável por Testes e Medidas em vários estados brasileiros. É pesquisador do Grupo de Estudos e Pesquisas em Tecnologia Aplicada- GEPTA (UFPR). Como jornalista, dirigiu emissoras de rádio e TV no Paraná e no Rio Grande do Sul (Rede Pampa, Rede Exclusiva e Rede Independência).

***Trio D Favetti lança CD com Obra de Taiguara na Caixa Cultural Curitiba***


Crédito da foto: Rudi Bodanese.

***A Caixa Cultural Curitiba apresenta, na terça-feira (19), o show de lançamento do CD O Troco, do Trio D Favetti, exclusivamente com músicas do cantor e compositor Taiguara. O show contará com a participação de mais três instrumentistas – André Ribas, no acordeon; Denis Mariano, na bateria e percussão; e Maurício Godoy, no contrabaixo. Gravado em 2016, o CD traz 14 canções, sendo oito delas com o Trio D Favetti e outras seis com Guego Favetti.

O disco foi produzido e teve arranjos de Pedro Baldanza que foi indicado pela Gravadora Kuarup, copatrocinadora do projeto e responsável pela distribuição do CD em todo o país. A capa do CD foi criada pelo artista plástico, pintor, desenhista e escultor Elifas Andreato. O trabalho é inédito no Brasil, pois não há registro de gravação de canções de Taiguara em trio de vozes.

O repertório traz as canções “O Troco”, que dá nome ao CD, “Pros Filhos do Zé”, “Rua dos Ingleses”, “Hoje”, “Índia”, “Mudou”, “O Velho e o Novo”, “Moina Me Sorriu”, “Piano e Viola”, “Menino da Silva”, “Estrela Vermelha”, “Luzes”, “Que as Crianças Cantem Livres” e “Eronita e Eu”.

Guego Favetti e o Trio D Favetti - Guego Favetti é um músico que toca na noite curitibana há mais de três décadas, tendo iniciado a carreira nos anos 1970 cantando em vários festivais do Sul do Brasil. Também fez parte do Grupo D’América, conjunto que se dedicou exclusivamente à difusão da música latino-americana.

O Trio D Favetti, que começou quase como uma brincadeira dos irmãos Tita, Titi e Guego nos saraus musicais do bar Degrau 43, acabou se transformando num trabalho profissional de alta qualidade, já há quase 20 anos. Com harmonia vocal única, o Trio D Favetti tem desfilado seu talento num repertório que inclui grandes clássicos da MPB e da música latino-americana, além da autêntica música de raiz brasileira.

Taiguara - O cantor e compositor brasileiro Taiguara Chalar da Silva nasceu, por acaso, em Montevidéu, no Uruguai, em 9 de outubro de 1945, durante uma temporada de espetáculos de seu pai, o bandeonista e maestro Ubirajara Silva. Chegou a cursar parte da faculdade de Direito, mas abandonou o curso para se dedicar à música. Além de compositor e cantor, tocava piano, violão e outros instrumentos.

Fez grande sucesso nas décadas de 1960 e 1970 com suas canções existencialistas e românticas, tendo lançado cerca de duas dezenas de discos ao longo da carreira. Considerado um dos símbolos da resistência à censura durante a ditadura militar (1964-1985), auto exilou-se na Inglaterra em 1973 e, mais tarde, na África e na Europa. Voltou ao Brasil na década de 1980 e retomou a carreira. Faleceu em 1996 em decorrência de um câncer na bexiga.

Serviço: Trio D Favetti lança CD O Troco com canções de Taiguara Local: Caixa Cultural Curitiba, Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR) Data: 19 de setembro de 2017 (terça-feira) - Horário: 20h. Ingressos: vendas a partir de 16 de setembro (sábado). R$ 20 e R$ 10 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito Caixa). A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura. Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sábado, das 12h às 20h, e domingo, das 16h às 19h). Classificação etária: livre para todos os públicos. Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes). Classificação etária: Livre para todos os públicos.